Tuesday, February 3, 2009

Desafio : O Camionista Ordinário

Estava eu em amena (vá, quente) chatadeira com uma blogger por quem nutro forte admiração (digo isso a todas, eu sei), quando a conversa, mesmo antes de descambar totalmente, descarrilou com suavidade para o tópico “palavrões que nunca, mas mesmo nunca escreverias no blogue”.

Ora bem, vocês já estão mesmo a ver como é que isto vai acabar, mas por agora aguentem-se comigo pois quem sabe se eu não transformo esta coisa num desafio hilariante, daqueles que soltam o camionista ordinário que existe dentro de todos nós, mas que em circunstâncias normais só dá a cara entre lençóis ou no meio do trânsito citadino.

É que agora estou mesmo com vontade, mortinho de desejo, de tal forma que até já decidi só nomear pessoas do Norte. Porque sim, porque gosto de aprender palavras novas, melhorar o meu vocabulário, a minha cultura geral e, especialmente, de me rir e rimas afins. Conass@, Con@-da-Mãe, Fuçareir@, Esporr@, Panasc@, Botão-de-Ros@, Scóvi@, Snait@, Pívi@. Pronto, já está, assim disfarçadinho no meio de um parágrafo grande. Não me venham perguntar o que é isto ou aquilo, que eu próprio não sei.

E passo o desafio a todos os meus leitores do Norte, carago! Vocês sabem quem são, cheguem-se à frente!

18 comments:

Luny said...

Sou a primeira?!?!
Que fixeeee!
É muito mau eu saber a que se referem todos os palavrões?

The queen said...

ervi, és mesmo panasca :P

Mad said...

O que é Scóvi@? É o único que não conheço (quero dizer, devo conhecer, mas não estou a ver).

M. said...

Caramba... eu devo ter um camionista dentro de mim... pois as minhas colegas dizem que tenho uma boca de pupu... eu cá digo que ela é santa! Olha, que de fod@!

Wildy said...

Eu sou a camionista em pessoa, só não conduzo, mas isso são promenores. Há quem vá a conduzir e eu ao lado faço de camionista na mesma =)
Conheço todas as q disses-te, se bem q actualmente n é usual ouvir-se algumas, como scóvi@.
Mas tu queres q a gente diga mais palavrões é? Tipo, eu não sei quais é que o pessoal não conhece. Do tipo sebadol@ do c@ralho, con@ da sogra, coninh@s, @zeites, cornadur@... por aí fora.
Isto só querendo insultar alguém é que sai melhor.

Maria said...

Fodasseeee mas que merda vem a ser esta! Isto agora é assim, só praguejar?! Já não há respeito!!! Ai o meu caralhinhooo!!
Beijo

PS: saí da frente oh meu atrasado de merda não viste que o sinal está verde!!! Ai cona que não ganhas para a dona.

Maria do Desassossego said...

Ah... tu és desses!! Que têm conversas calientes no espaço virtual... Palavrões? Isso toda a gente diz, pá!

Vai matar a mãe e fazer arroz de put@.

(não sou do norte, mas vivi lá)

Anonymous said...

"Colhões" tb é digno de figurar nesse parágrafo, oh Ervi...

maria teresa said...

Cá vai a minha contribuição, embora não seja nortenha, como motorista carroceira: "seu marotinho!"
Não me imitem! O resultado é muito explosivo e as consequências podem ser terríficas.
Mas se querem conhecer outros vocábulos, em português vernáculo mas elegante, leiam a "Poesia Erótica" de Bocage.

:)

Alexandra said...

Está claramente a necessitar de exercícios para os glúteos.

De resto, Ervi, sou uma senhora.

Cor do Sol said...

E os Begueiros.eheh.

PKB said...

Pffff.... é só o que tenho para te dizer...

anónimo said...

Não é scóvi@! Segóvi@! (também existem de bacalhau!)
(não esquecer a quinta-pata-do-cavalo que bem aplicada pode dar algo do género "vai mamar na 5ª...etc")

Zé Vernáculo said...

Resolvi dar uma mãozinha e traduzir este post, assim temos:
* Conassa = Uma bela cona; uma cona que dá tesão; grande cona.
* Cona-da-mãe = Vagina da nossa progenitora.
* Fessureira = Lésbica; Fufa; Gaja que curte com outra gaja.
* Esporra = Esperma; sémen; sumo de testículo.

* Panasca = Roto; Paneleiro; Homossexual; Coninhas.
* Botão-de-rosa = Cunilíngua; Minete; acto de estimulação sexual da mulher usando a lingua.
* Scóvia = Punheta; Masturbação; acto prazeroso auto-induzido.
* Snaita = Vagina; Cona; Orgão sexual feminino.
* Pívia = (a.k.a.) Punheta;

E pronto, qualquer dúvida é só perguntar.

anónimo said...

ó Zé Vernáculo: tantos erros pá!
"fressureira" faltou o r de ratinha"
botão de rosa não é nada disso- é de língua mas no "ilhó"
scóvia já corrigi para segóvia
quem não estiver de acordo pode sempre ir "levar onde levam as galinhas"

anónimo said...

e não resisto a perguntar a quem interessar: como dizes "colhões" ou "quilhões"?

A quem responde "colhoes" deve ripostar-se algo tipo "pois... enche-te mais a boca!"

PKB said...

Vês o que fizeste? Puseste o público deste blogue a dizer asneiredo.

Eu não sou do norte, mas como sou tua amiga, dou-te um conselho... nunca digas a uma mulher algarvia que esteja com um ar assim para o triste "ó, mulher, estás muito xoxa hoje".

Quem te avisa...

cba BDS said...

muito engrançada a ideia e muitps a sair so armário neste sentido e digo-vos que para ser soft e por vezes porque tranporto a minha pequenita mais que tudo por vezes sai um son@c ou um solh@r@ac, palavras que aínda não percebe mas quando começar a comprender e a falar presumo que não vai entender de imediato...
Mais uma invenção mirabolante do Tio Ervi, sobrinha BDS deve achar piada.