Thursday, November 25, 2010

No Limiar da Nobreza

Ocorre-me muitas vezes se deveria reciclar, ajudar os coxos a atravessar, não completar as frases aos gagos, esperar que as parceiras atingissem o clímax, não odiar o Natal, ser tolerante para com os religiosos e os mentecaptos, ter paciência para os velhos e dar-lhes o lugar no transporte público, não intimidar as crianças ou deixar cair os recém-nascidos, dar dinheiro para a droga e para o álcool a quem precisa, ou mesmo, deixar que tirassem batatas fritas do meu prato sem cegar ninguém.

Ocorre-me mas depois penso “Nah!!”. Só se vive uma vez e já sou Nobre nas salsichas.

7 comments: